Marcha das Mulheres Negras: Todo dia é dia de marcha!

Teve mulher negra em Brasília sim, e não foram poucas. Segundo dados das organizadoras, cerca de 30 mil mulheres participaram da Marcha das Mulheres Negras contra o racismo e contra a violência.

giphy

Saímos com cerca de 40 mulheres de Criciúma, as 2 horas da manhã para o aeroporto de Florianópolis, onde chegamos por volta das 5:30. Nosso voo saiu as 7:55 e chegamos em Brasília as 10:10 e após alguns minutos de espera por outras companheiras que estavam em voos diferentes, fomos direto pro Ginásio Nilson Nelson, onde foi toda a concentração do movimento.

8

9

Pegamos a marcha já em curso e fomos acompanhando o trajeto de 7 Km que ía do Ginásio à Praça dos Três Poderes e depois voltando ao Museu Nacional da República.

7

6

4

 

Foi cansativo? Foi! Valeu a pena? E muito!

É incrível quanta diversidade existe entre nós negros, tantas cores e estilos diferentes, que muitas vezes nos pegamos admirando tantas formas de beleza, tantas mulheres empoderadas. Realmente umas das coisas mais marcantes em nossas vidas.

5

3

O objetivo de encher as ruas de Brasília com a nossa voz foi cumprido, mas o objetivo maior pelo igualdade e o bem-viver da mulher negra continua. Por isso essa luta é diária.2

Infelizmente um fato isolado e provocado por um único ser que não tinha absolutamente nada a ver com a nossa marcha acabou chamando mais atenção do que as outras 30 mil pessoas que estavam ali reunidas por um bem maior. Foi a forma que a mídia encontrou de calar o nosso grito. Mas o nosso ato ainda vai ecoar muito mais forte até sermos ouvidas, em cada movimento, em cada grupo de resistência, em cada mulher negra que não vai aceitar ouvir calada.

Já estamos recuperadas e prontas pra mais uma. Que em cada canto do nosso país onde exista uma mulher, exista resistência. Estamos na luta!

Confiram mais fotos em nosso Facebook.

 

 

A Marcha das Mulheres Negras começou!

Passagens em mãos e lá vamos nós rumo a Marcha das Mulheres Negras 2015!

Estamos em contagem regressiva para a marcha que acontece nesta quarta-feira, dia 18 de novembro, em Brasília.

15

Para todas que vão marchar contra o racismo, a violência e pelo bem viver das mulheres negras, nossa dica é que leve água, filtro solar, hidrante e vá com roupas confortáveis, como short e tênis.

A previsão para o dia é de tempo nublado e chuva a qualquer momento, por isso uma capinha de chuva dessas descartáveis, pode ser bastante útil.

O Guia das Guerreiras Negras foi desenvolvido pelo comitê nacional da Marcha e tem informações relevantes sobre as atividades que serão realizadas no dia, e como iremos nos organizar. Acesse aqui: Guia das Guerreiras Negras.

Nos vemos em Brasília!

Nossa primeira marcha

7 de Setembro não foi só de descanso para as mulheres negras de Criciúma e região, foi dia de por a cara no sol – literalmente –  e mostrar que a nossa beleza não tem esteriótipos. A marcha contra o racismo, a violência e pelo bem-viver já começou!

DSC02966

Levantamos cedo, conferimos se não estava chovendo, colocamos nossos turbantes e nos preparamos para “cumprir o nosso dever cívico”, mas diferente dos tempos de escola, fomo de muito felizes por poder cumprir este dever.

Nossas mulheres negras desfilaram ao som de “Sorriso Negro” e foi muito legal ver muitos dos espectadores cantando junto.

DSC02961

Foi muito bonito o desfile, e ver a alegria nos rosto de todas essas mulheres negras lindas que desfilaram no Parque das Nações em Criciúma.

DSC02956

DSC02963

DSC03007

DSC02977

DSC03021

 

DSC03018

DSC03021

Que venha Brasília para podermos juntas gritar: NEGRA SOU! NEGRA SIM!

 

 

Pretas em Prosa

Hoje viemos aqui te fazer um convite muito especial, para um evento que foi organizado por mulheres igualmente especiais: O Pretas em Prosa será um evento de lançamento da Marcha das Mulheres Negras para Criciúma e região.

Pretas em Prosa Blog

A Marcha das Mulheres Negras está se tornando mais que uma “marcha”, está mobilizando pessoas (não só mulheres e não só negras) de todo o Brasil, em busca de igualdade racial e de gênero. A marcha vai  acontecer em Brasília, dia 18 de novembro deste ano e durante os próximos meses o Comitê Impulsor de Criciúma e Região irá promover alguns eventos para divulgar e promover a marcha por aqui.

Claro que o Vou de Preta está apoiando o evento, e inclusive fazemos parte do comitê (te mete com as negras!), por isso que todas as nossas leitoras estão convidadas a participar.

O evento será no dia 12 de setembro, sábado, a partir das 13:30, no Auditório Ruy Hülse, na Unesc e a entrada é gratuita. A programação está cheia de mulheres empoderadas e lindas pra falar da marcha e das mulheres negras da nossa região.

Confiram a programação de todo o evento aqui:

Abertura: 13:30

Redescobrindo Chiquinha Gonzaga
com Karlys Rejane

Debates:  14:00

Marcha das Mulheres Negras
com Jeruse Romão

As escolhedeiras de Carvão
com Kelly Cristina

Encerramento: 16:30

Apresentação Cultural

Além dos debates e das apresentações, teremos a presença de diversos movimentos negros da nossa região, para compartilhar suas lutas a favor da igualdade racial.

Junto com o convite do evento, queremos convidá-las também para participar da marcha e conhecer toda a mobilização que as mulheres negras da nossa região estão fazendo. Acompanhem a página da marcha no Facebook, e por lá também vamos mantê-las informadas de outros eventos que acontecerão, e tudo a respeito da Marcha das Mulheres Negras.

Estaremos esperando vocês dia 12!

Beijos das pretas ♥

Google+